A Associação Portuguesa para o Estudo da Dor (APED) e a Fundação Grünenthal vão premiar o interesse e qualidade de dois trabalhos jornalísticos na área da dor. A 6ª edição do Prémio Anual de Jornalismo tem candidaturas abertas até ao dia 31 de agosto e reconhece trabalhos publicados entre 1 de maio de 2016 e 31 de agosto de 2017.

As duas entidades vão atribuir um total de 3 mil euros a dois jornalistas residentes em Portugal, cujos trabalhos tenham sido publicados na imprensa, televisão ou rádio. Ao primeiro prémio serão atribuídos 2 mil euros e ao segundo prémio um valor de mil euros.

A seleção dos dois vencedores vai ter em conta critérios como a criatividade, investigação, relevância e qualidade das peças jornalísticas. Para o efeito, será destacado um júri, composto por cinco pessoas, indicadas pela Associação Portuguesa para o Estudo da Dor, Fundação Grünenthal e Sindicato dos Jornalistas.

As candidaturas devem ser dirigidas à Presidente da Associação Portuguesa para o Estudo da Dor ou ao Presidente da Fundação Grünenthal, para Alameda Fernão Lopes, 12, 8A, 1495-190 Algés, Portugal. Para mais informações sobre o processo de candidatura, consultar o regulamento do prémio em: http://www.fundacaogrunenthal.pt.

 Informações adicionais à Comunicação Social:

Ana Saleiro:: Tel. 21 850 81 10/ 92 741 30 17::anasaleiro@lpmcom.pt

Ed. Lisboa Oriente, Av. Infante D. Henrique, 333 H – Escritório 49,  1800-282 Lisboa

www.lpmcom.pt